Atualizado 12/09/2018

João Rodrigues se despede nas redes sociais antes de voltar para a prisão

Decisão do STF suspendeu liminar que havia concedido habeas corpus ao parlamentar

Reprodução / Internet
Reprodução / Internet

Após ter a liberação da cadeia suspensa pelo STF, o deputado federal catarinense João Rodrigues (PSD) fez uma transmissão ao vivo nas redes sociais para agradecer o apoio recebido, lamentar a morte do sogro e dizer que segue lutando pela liberdade.

 

    Candidato à reeleição, Rodrigues falou ao lado da esposa na noite de domingo.

 

    O retorno à prisão ocorre após uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que suspendeu a liminar do ministro Rogério Schietti Cruz, do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), que havia concedido habeas corpus ao parlamentar preso até meados de agosto na Penitenciária da Papuda.

 

    João Rodrigues foi condenado pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), de Porto Alegre (RS), a cumprir cinco anos e três meses de reclusão no regime semiaberto por fraude e dispensa de licitação enquanto era prefeito de Pinhalzinho, no Oeste catarinense.

 

    Na transmissão ao vivo, o deputado falou sobre uma avaliação que fez da sua vida nos últimos tempos e questionou se a decisão é justa. Se emocionou em alguns momentos, assim como a esposa. Lamentou a perda do sogro e agradeceu o apoio recebido:

 

    — Tudo contribui. A dor é exposta. Mas não vamos parar, vamos continuar, também em honra e em homenagem ao meu grande mentor. Ele me deu um apoio indireto.

 

    Disse ainda que a campanha e a candidatura continua e que a partir desta segunda-feira está à disposição da Justiça.

 

    — Não vou desistir, já que chegamos até aqui — declarou.

Fonte: Diário Catarinense
© Copyright 2017 - Rede Nossa Rádio, Todos os direitos reservados Desenvolvido por HZ Soluções